Páginas

quinta-feira, 29 de março de 2012

Efeito da Massagem Clássica na Percepção Subjetiva de Dor, Edema, Amplitude Articular e Força Máxima Após Dor Muscular Tardia Induzida Pelo Exercício




Efeito da Massagem Clássica na Percepção Subjetiva de Dor, Edema, Amplitude Articular e Força Máxima Após Dor Muscular Tardia Induzida Pelo Exercício


Por: César Cavinato Cal Abad

Revista Brasileira de Medicina do Esporte - v.16 - n.1 - 2010

Resumo
O treino de força com cargas elevadas tem induzido indivíduos a apresentarem sintomas de dano muscular que incluem a dor muscular tardia. Na tentativa de diminuir sintomas e desconforto da DOMS, estratégias têm sido utilizadas, entre elas, a massagem. O objetivo do presente estudo foi verificar os efeitos da massagem clássica na percepção subjetiva de dor (DOMS), circunferência do braço (CIR), amplitude de movimento (ADM) e força máxima (1RM) após protocolo para indução de DOMS. Para isso, 18 adultos jovens saudáveis do gênero masculino foram divididos em três grupos (G1 = massagem; G2 = protocolo; G3 = protocolo + massagem) equalizados pelo teste de uma força máxima de flexão de cotovelo no banco Scott. O protocolo de indução de DOMS consistiu de 30 ações excêntricas musculares supramáximas (seis séries de cinco repetições a 110% de 1RM). A massagem foi realizada no grupo G3 imediatamente após o protocolo durante seis minutos. As variáveis dependentes (DOMS, CIR, ADM) foram avaliadas 24, 48, 72 e 96 horas após o protocolo, enquanto a força máxima, apenas após 48 e 96 horas. Os resultados indicaram aumento na DOMS e diminuição na ADM e 1RM, similar aos de outros estudos que utilizaram protocolos semelhantes. No entanto, não houve diferenças entre os grupos G2 e G3 em nenhuma das variáveis analisadas. Pode-se concluir que com esse design experimental o protocolo utilizado foi eficaz para provocar as alterações nas variáveis analisadas e a massagem não causou nenhum benefício na recuperação das funções musculares nem na percepção subjetiva de dor.

Endereço:

quarta-feira, 28 de março de 2012

Massagem pós-malhação



Massagem pós-malhação não só favorece o relaxamento como também acelera a recuperação muscular em situações como contraturas, dores localizadas por tensões e acelera consideravelmente a recuperação, favorecendo o desempenho.

Quando estiver sentindo aquela dorzinha no pescoço ou seus ombros pesados, naqueles dias estressantes de trabalho, pare, faça alguns movimentos de mobilização articular com a cabeça, em seguida alongue-se suavemente, permanecendo em cada posição de 15 a 20 segundos. Se você for agraciada em ter um colega de trabalho ou amigos que saibam fazer massagem, é hora de pedir ajuda. Bastam alguns minutinhos massageando membros e as costas para sentir-se aliviada.

Massagem funciona?

E como! Relaxa a musculatura, quebrando a lógica de instalação de processos dolorosos. Aumenta a circulação sanguínea, eleva a disponibilidade de oxigênio muscular auxiliando o corpo a livrar-se mais rápido de algumas toxinas.

É benéfico pós-malhação, já que músculos tensos são mais suscetíveis a lesões musculares agudas e problemas relacionados com “Over Training” (excessos durante o treino).

A comum sobrecarga na estrutura corporal em corredores acaba por ser minimizada na massagem, pois ajuda a aliviar contraturas musculares e a diminuir processos inflamatórios.

Se você é sedentária ou pratica regularmente algum esporte, faça bom uso da massagem reparadora (feita imediatamente pós esforço físico) e não deixe dores e lesões se instalarem!

Benefícios

Aumenta a flexibilidade muscular
Acelera a recuperação após um treino intenso ou competição
Inibe a dor
Reduz a possibilidade de problemas por “Over Use” se tornarem lesões
Melhora o desempenho.

terça-feira, 27 de março de 2012

Massagem alivia a dor porque melhora a circulação do sangue



Água quente também ajuda a relaxar os músculos. Tensão muscular é, na verdade, uma forma de proteção natural do corpo.

A sabedoria popular diz que o que os olhos não veem o coração não sente. E a medicina completa: o corpo sente o que os olhos veem. As tensões acumuladas no trabalho, no trânsito e no pagamento das contas muitas vezes se transformam em dor muscular.

Umas das formas de aliviar a dor muscular é a massagem

A tensão muscular é um mecanismo de proteção do corpo, dos tempos em que o ser humano vivia na natureza. Em situações de perigo, o cérebro manda o corpo ficar preparado, em estado de fuga ou luta, e a tensão faz com que o músculo não se machuque ao entrar em ação.

Quando acumulamos problemas e não conseguimos relaxar a mente, o corpo também não relaxa, o que deveria acontecer naturalmente. É este excesso de tensão que deixa os músculos doloridos.

A massagem facilita o processo de relaxamento dos músculos de várias maneiras. Quando você amassa os músculos, melhora a circulação e a distribuição do sangue – até porque o calor provocado pela fricção dilata os vasos. O músculo fica mais bem nutrido e relaxado, e a dor é aliviada.

Além disso, a massagem estimula receptores espalhados pelo corpo, que reagem à temperatura, à pressão e ao toque. Estes estímulos são enviados ao cérebro, que responde com um comando para que os músculos relaxem.

Como a temperatura tem grande influência, a água quente é uma aliada da massagem na hora de relaxar o músculo, e pode até resolver as dores mais leves. Bolsa de água quente, toalha molhada e até mesmo um bom banho são formas de tratar a dor. A água só não pode ser quente demais, para não queimar a pele.

Outro tipo de dor muscular que a massagem pode aliviar são os nódulos. As fibras musculares se embaraçam e formam pequenos caroços – que são os nódulos. É como se o músculo desse nós em si mesmo, e por isso ele fica tencionado. A dor que estes nódulos causa não se atém ao local. Ela pode se refletir em outro músculo ou então se generalizar pelo corpo inteiro.

g1

segunda-feira, 26 de março de 2012

Frase



"Quando alguém pára no caminho, e não quer avançar, o problema não está no saber. Ele busca segurança quando é preciso coragem, e quer liberdade quando o certo não lhe deixa escolha. Assim, fica dando voltas."


Bert Hellinger

domingo, 25 de março de 2012

Massagem Ayurvédica



A Massagem Ayurvédica baseia-se na ciência da Ayurveda e da Yoga. As diversas técnicas são utilizadas para aquecer o sistema muscular e melhorar a circulação sanguínea e linfática. Uma combinação de alongamentos de yoga são usados para ajudar a mobilidade das articulações e a liberar as tensões nos músculos, harmonizando assim o sistema osteomuscular. O óleo e a erva utilizada neste tipo de massagem ajuda a equilibrar os Doshas, melhorando a circulação e a liberação das toxinas. No final da sessão é possivel sentir-se confortavelmente relaxado dentro de um bem estar fisico e psíquico.

Ayurveda

Em sânscrito Ayur significa Vida e Veda significa Ciência. Ayurveda significa literalmente a Ciência da Vida. É um sistema de tratamento de cura com recursos naturais da Índia. A medicina Ayurvédica tradicional remonta aos tempos antigos 4.000 AC. De acordo com a Ayurveda, saúde é o equilíbrio harmonioso entre corpo, mente e meio ambiente. O corpo humano é composto de três elementos fundamentais chamados de Dosha, Dhatus e Malas. Qualquer desequilíbrio entre corpo, mente e meio ambiente abre a porta para a doença.

Yoga

Em Ayruveda, Yoga significa o uso de direitos, incluindo atitudes e valores espirituais na vida, estilo e hábitos saudáveis, incluindo práticas de Ásanas e Pranayamas para harmonizar a natureza interior e abrir-se para o externo. Ásana é a postura correta e alinhada do corpo físico ao longo da espinha.

Pranayama é a harmonia e a expansão da força da vida. Prana significa energia. É a energia vital que preenche o Universo. É através da energia vital que todos os seres vivos no planeta mantém-se em vida. Para ser forte e saudável, o prana deve ser abundante e fluir sem problemas. Os alongamentos do yoga são importantes para ajudar a remover os bloqueios de energia e direcionar a energia do prana ao redor do corpo, criando um fluxo livre e equilibrado.

O óleo na massagem ayurvédica

Na massagem ayurvédica os óleos tem um papel bastante importante, pois contém propriedades que auxiliam no tratamento, além de ser indispensável para as técnicas aplicadas.

O pó na massagem ayurvédica

O Varkhand é um pó utilizado juntamente com o óleo durante a aplicação da massagem ayurvédica.

A energia utilizada para a massagem é feita a partir da raiz da planta cálamo. É anti-séptico e estimula o fluxo de sangue, desintoxica e limpa a pele.

Através do atrito, a massagem atinge camadas mais profundas do tecido e revitaliza o Prana diretamente.

Para quem é indicado

A Massagem Ayurvédica é indicado para o tratamento de:

• tensão e rigidez muscular;
• dores articulares e inflamações;
• desequilíbrio hormonal;
• problemas de circulação sanguínea
• Insônia;
• Ansiedade;
• Irritação;
• Nervosismo;
• Estresse;
• Depressão;
• etc;

sábado, 24 de março de 2012

Confira as informações para a Corrida Track&Field deste domingo em SP



A primeira etapa do circuito Track&Field Run Series Villa Lobos em São Paulo acontece neste domingo (25/03) no Shopping Villa Lobos, com largada às 7h no estacionamento. As séries de corrida da Track&Field têm percurso de dez quilômetros.

Os kits do atleta devem ser retirados entre hoje e sábado (23 e 24/03) na loja Track&Field do Shopping Villa Lobos, no mesmo horário de funcionamento da loja. Uma camiseta Thermodry®, exclusiva da marca, acompanha o kit.

Antes e depois da prova, os atletas poderão aproveitar as tendas de fisioterapia e massagem preparadas pela organização.

A primeira etapa espera receber cerca de 2500 corredores no domingo. A segunda Track&Field Villa Lobos está marcada para o dia 24 de junho e as inscrições online podem ser feitas no Webrun. A terceira etapa acontece no dia 11 de novembro.

sexta-feira, 23 de março de 2012

As suas dores de cabeça estão a incomodá-lo(la)?




Dores de cabeça aparecem em várias formas e intensidade e são muitas vezes consideradas como uma queixa menor ou trivial. No entanto, para algumas pessoas podem ter um impacto significativo sobre suas vidas diárias. Algumas sentem dores de cabeça com bastante regularidade. Outros experimentam sintomas tão severos que ficam acamados e dependem de altas doses de medicação como um último recurso para aliviar as dores. Como resultado, dores de cabeça podem causar sofrimento pessoal significativo e comprometer a nossa qualidade de vida.

Então porque há tantas pessoas que sofrem deste distúrbio comum? É uma pergunta difícil de responder pois há vários fatores a serem considerados. Genética, historico médico, abuso de substâncias, dieta e uso de medicamentos têm demonstrado ter algumas ligações com certos tipos de dores de cabeça.

Em relação à população em geral, no entanto, os tipos mais comuns de dores de cabeça são a cefaléia cervicogênica e a cefaléia do tipo tensional (CTT), as quais muitas das vezes podem ser tratadas sem o uso de medicação.

Dores de cabeça cervicogênica e tensional foram consideradas como tendo origem muscular, relacionadas ao stress ou associadas a problemas músculo-esqueléticos no pescoço. Alguns dos nossos músculos do pescoço estão conectados/ligados diretamente à medula espinhal ou à fina camada de tecido que envolve o crânio.

Quando a tensão se desenvolve nestes músculos, quer a partir de má postura, stress ou atividades diárias repetitivas, cria-se um puxa-efeito sobre estes tecidos. Posteriormente, os nervos em torno desses tecidos enviam mensagens de dor para o cérebro, portanto, levando ao sintoma dor de cabeça. Os sintomas podem ser sentidos na testa, atrás do olho, na parte de trás da cabeça ou na zona temporal. Para algumas pessoas isso pode ser uma dor de cabeça ocasional, aparecendo em períodos de grande stress ou sobrecarga de trabalho. Para outros, torna-se crónica, um distúrbio de mudança de vida.

Acredita-se que o realinhamento das vértebras na parte superior do pescoço elimina quaisquer desequilíbrios ou instabilidades que podem criar tensão extra nos tecidos circundantes, e nervos. Pesquisadores fizeram recentemente uma revisão da literatura científica e sugeriram que a terapia de manipulação da coluna vertebral (SMT) na parte superior das vértebras cervicais (pescoço) reduz significativamente os sintomas dor de cabeça.

A «SMT» foi comparada com outros métodos de tratamento comuns, tais como massagem e prescrição de medicamentos; e os resultados mostraram que pacientes que receberam «SMT», em comparação com outros tratamentos, sentiram melhorias significativas na frequência e na severidade das dores de cabeça.

Muitos pesquisadores científicos afirmam também que quem sofre de enxaquecas pode beneficiar de «SMT». Estudos controlados têm mostrado que os sintomas da enxaqueca foram significativamente reduzidos se «SMT» é realizada como uma terapia preventiva. Alguns estudos ainda sugerem que um ataque de enxaqueca pode ser prevenido antes de começar, se o paciente receber «SMT» durante os estágios iniciais da enxaqueca.

Uma coisa que sabemos com certeza é que uma grande parte da população sofre de dores de cabeça. A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que mais de 80% da população adulta, em países desenvolvidos, sofrem de sintomas de dor de cabeça. Felizmente, nós sabemos agora uma forma eficaz e um método de tratamento não-invasivo que tem mostrado resultados muito promissores.

Se você ou alguém que conhece sofre de dores de cabeça, vale a pena considerar e experimentar a terapia de manipulação da coluna «SMT».

quinta-feira, 22 de março de 2012

Relaxe e reduza dores com Watsu



A água é utilizada em procedimentos voltados a saúde e bem-estar há milhares de anos, em diversas civilizações antigas. A civilização grega, por exemplo, construiu o Oráculo de Delphi (1400 a.C.) para receber o crescente número de frequentadores de centros de banhos. Para os gregos, os banhos faziam parte de um dos itens fundamentais para a boa saúde. Mas foi em 25 a. C. na civilização romana o grande marco do desenvolvimento de infra-estrutura voltado às estâncias termais.

Atualmente a água, cujo dia é comemorado em 22 de março, é utilizada como forma de terapia em clínicas médicas, de fisioterapia e até mesmo em spas, cuja origem de palavra referente ao latim "Salut per Aqua", significando "saúde advinda da água". Algumas técnicas terapêuticas utilizam a água como meio e também principal responsável na prevenção e restabelecimento de saúde. O Watsu (união da palavra inglesa water - água e shiatsu - terapia oriental que utiliza a pressão dos dedos em meridianos para restabelecimento de saúde), é um exemplo.

Conheça os diferenciais e benefícios do Watsu

Harold Dull, mestre em zen shiatsu e responsável pelo desenvolvimento do Watsu na década de 80, adaptou o Zen Shiatsu à água, trazendo assim ainda mais benefícios a sua prática, visto que quando as pessoas flutuavam os alongamentos eram ainda mais suscetíveis e benéficos. O Watsu é aplicado em piscina aquecida com temperatura entre 34° e 37°, e cada sessão tem duração média de 60 minutos. Durante esse período, o interagente (cliente) fica o tempo todo apoiado pelo terapeuta, que tem plena atenção e cuidado voltado a este. Sendo assim, saber nadar não é pré-requisito. E para quem tem medo de água, é uma ótima forma para trabalhar essa questão.

A relação de confiança e respeito entre interagente e terapeuta é de fundamental importância para o desenvolvimento de uma boa sessão, e esta relação é construída passo-a-passo, respeitando os limites de cada interagente e sua entrega durante as sessões. Os benefícios são percebidos por ambos, que durante a sessão estão completamente conectados à respiração. Tudo acontece como em uma dança, de forma harmônica, suave, sutil e de resultados profundos, notados a partir da primeira sessão.

Algumas das indicações e sensações observadas são de bem-estar, relaxamento profundo, leveza corporal, alívio de tensões musculares, melhora da qualidade de sono, diminuição de quadros de ansiedade e estresse, fibromialgia além de uma total harmonia entre corpo e mente.

A água é a maior protagonista no Watsu e grande responsável por:

Relaxamento profundo.
Perda da noção da forma e limite corporal, já que a temperatura ideal da água para a realização da sessão se aproxima à temperatura do corpo.
Diminuição da sensibilidade à dor.
A pressão hidrostática estabiliza articulações instáveis.
Fortalecimento do diafragma e músculos intercostais.
Melhora quadros de má circulação.

O Watsu é indicado para crianças, jovens adultos e até mesmo gestantes. Na gravidez é sugerido após três meses de gestação e com autorização e acompanhamento médico. A técnica ganha cada dia mais adeptos e está difundida em cerca de 40 países e inserida como parte da grade curricular de cursos de graduação voltados a saúde de forma integral, como a Naturologia.

Reflexão



"Nosso maior medo não é o de sermos incapazes. Nosso maior medo é descobrir que somos muito mais poderosos do que pensamos. É nossa Luz e não nossas trevas que nos assusta. Não há mérito algum em não manifestar todo nosso potencial apenas para que os outros não se sintam inseguros ao nosso lado. Nascemos para manifestar o potencial do Ser que está em todos nós, e não apenas em alguns. Quando deixamos brilhar nossa Luz, permitimos que outros façam o mesmo inconscientemente. Quando nos libertar-mos do medo, nossa simples Presença libertará os outros automaticamente."

quarta-feira, 21 de março de 2012

Projeto Caminhadas com Segurança terá como tema o equilíbrio do corpo .



No domingo, 25 de março, o Instituto Ortopedia & Saúde (IOS) realizará o Projeto Cidadania – Caminhadas com Segurança, uma feira de saúde, exames médicos gratuitos e atividades físicas monitoradas por médicos e profissionais de educação física, no parque Trianon, em São Paulo. Nesta edição, o evento contará com a participação da Apartesp – Associação de Apoio aos Pacientes de Anomalia Renal e Transplantados do Estado de São Paulo, que realizará o teste de avaliação renal. O dr. Fabio Ravaglia, presidente do IOS, falará sobre como manter e aperfeiçoar o equilíbrio do corpo.

No domingo (25 de março), o Projeto Cidadania – Caminhadas com Segurança, principal ação do Instituto Ortopedia & Saúde (IOS), presidido pelo dr. Fabio Ravaglia, irá realizar no parque Trianon, em São Paulo, a tradicional feira de saúde e atividades físicas monitoradas por médicos e profissionais de educação física. Na feira de saúde é possível fazer uma espécie de check-up antes de praticar a atividade física e, nesta edição, a Apartesp – Associação de Apoio aos Pacientes de Anomalia Renal e Transplantados do Estado de São Paulo realizará o teste de avaliação renal. O dr. Fabio Ravaglia fará a palestra “Equilíbrio: fundamental em todas as idades”, com dicas de equipamentos e exercícios que ajudam a desenvolver o equilíbrio do corpo.

As atividades físicas começam e terminam sempre com alongamento, com o objetivo de aquecer e de relaxar a musculatura. As caminhadas são realizadas em dois grupos: uma turma rápida, para quem está em boa condição física, num trajeto de três quilômetros, e uma lenta, para quem precisa de atividade física moderada, em percurso de um quilômetro e meio. O segundo grupo costuma ser formado por idosos ou pessoas com alguma limitação para a prática da caminhada, sempre acompanhado por um médico e um profissional de educação física. O professor de edução física Marcelo Bolognesi mostrará como andar de perna-de-pau também ajuda a ganhar mais equilíbrio.

A atuação integrada do Projeto Cidadania – Caminhadas com Segurança é bastante completa. Os resultados de todos os exames gratuitos (glicemia, colesterol, medição da pressão arterial, avaliação postural e baropodometria) são fornecidos imediatamente, de maneira que é possível obter informações adicionais na hora, para considerar principalmente se, naquele momento, o corpo está apto à prática da atividade física. Dependendo do estado de saúde, o participante é aconselhado a seguir para atividade física mais leve ou a procurar um médico especialista. Para relaxar, haverá também quick massagem. Nesta edição, o Colégio Inaci, parceiro do IOS, fará o teste rápido para detectar hepatite C, que mostra se a pessoa teve contato com o vírus, mesmo que a doença não tenha se desenvolvido.

O evento do IOS acontece uma vez por mês, sempre aos domingos, tendo por ponto de encontro o portão 4 do parque Trianon, em frente ao Masp, que fica na avenida Paulista, 1.578. As próximas edições estão programadas para 15 de abril, 27 de maio, 24 de junho, 29 de julho, 26 de agosto, 30 de setembro, 21 de outubro, 25 de novembro e 16 de dezembro.

Outras informações podem ser obtidas no local ou no Instituto Ortopedia & Saúde, pelo telefone (11) 3289-8000. Em linha com a atuação responsável que pratica, o IOS está coletando chapas antigas de raio X para reciclagem.

AGENDA DO PROJETO CIDADANIA – CAMINHADAS COM SEGURANÇA
Local: parque Trianon (portão 4, em frente ao Masp, localizado na avenida Paulista, 1.578)
Data: 25 de março de 2012 (domingo)
7h: início da montagem
8h30: distribuição de senhas para os exames (número limitado)
9 horas: início dos exames
10 horas: palestras
10h30: aquecimento com alongamento
10h45: início da caminhada dentro do parque Trianon
11h20: relaxamento com alongamento pós-caminhada
12 horas: confraternização
13 horas: encerramento
Informações: Instituto Ortopedia & Saúde
www.ortopediaesaude.org.br
Telefone: (11) 3289 8000

Instituto Ortopedia & Saúde

Idealizado pelo dr. Fabio Ferraz do Amaral Ravaglia (CRM 54.294), o Instituto Ortopedia & Saúde (IOS) desenvolve uma série de ações para promover a democratização da informação sobre saúde e prevenção a doenças, principalmente, aquelas associadas à terceira idade. Para o médico, a informação é a melhor maneira para garantir a qualidade de vida.

O principal evento da ONG, cujo vice-presidente é Francisco Ravaglia, acontece uma vez por mês, sempre aos domingos, no parque Trianon, em São Paulo. Desde a sua criação em 2005, o projeto realiza uma média de 300 exames médicos gratuitos a cada edição. Cerca de 34 mil atendimentos já foram realizados. O evento conta com a participação de profissionais da Arthros Clínica Ortopédica, presidida pelo diretor técnico dr. Fabio Ferraz do Amaral Ravaglia (CRM-SP 54.294), fundada em 1986 e que realiza o atendimento de forma personalizada e com base em sólidos conceitos de humanização hospitalar. Também atuam como voluntários professores e alunos do Colégio Integral Inaci, que desde 1974 oferece educação profissionalizante e procura desenvolver uma visão crítica e consciente das necessidades da vida moderna. www.ortopediaesaude.org.br e www.osso.org.br

terça-feira, 20 de março de 2012

Massoterapia pode melhorar o corpo, a saúde e as medidas, diz especialista



Além de academia e do treinamento funcional, é importante empregar outras técnicas, que podem ser úteis para que os praticantes tenham um corpo modelado e saudável

Praticar exercícios, ter um corpo saudável e estar bem consigo mesmo é algo que todos buscam ao longo da vida. E é isso que o TEI (Treinamento Específico Individual) busca oferecer aos seus alunos. Mas além de academia e do treinamento funcional, é importante aderir a outras técnicas que podem ser muito úteis para que as pessoas tenham um corpo saudável. Uma delas é a Massoterapia, uma técnica milenar, utilizada inicialmente pelos orientais, que visa relaxar e modelar os músculos do corpo, através da massagem. A massoterapeuta do TEI, em Nova Friburgo, Tânia Fernandes explica as técnicas.

"A Massoterapia tem como objetivo melhorar o corpo e a saúde das pessoas, levando bem-estar a todos. Um exemplo disso é a parte de massagem voltada para a estética, que foca a modelagem, redução de medidas e a drenagem linfática, combatendo celulites, inchaços e retenção de líquidos, sendo muito procurado em diversas academias em todo o mundo, pois você pode manipular as células de gordura e eliminá-las”, enfatiza.

Tânia garante que logo nas primeiras sessões já é possível perceber os resultados. Além disso, temos também a técnica utilizada para dores no caso de lombalgia, torcicolo, estresse e dores musculares. Tratamos com cremes específicos de arnica, com canfora, mentol e gel que busca aliviar as dores. Ela disse ainda que existem outros tipos de massagens relaxantes, como as cranianas, craniofacial e que fazem com que as pessoas relaxem e se sintam muito bem consigo mesmas.

A profissional diz ainda que a massoterapia pode ajudar a cuidar dos danos causados à pela no período do verão:

"Nesta época do ano, as pessoas ingerem maior quantidade de álcool, comem mais e ficam mais tempo expostas ao sol, deixando a pele castigada e com muitas manchas. Podemos realizar vários tratamentos como a esfoliação que cuida de todo o corpo, renovando as células que prejudicando a respiração da pele. Por isso temos de remover essas impurezas. Temos tratamentos que levantam a expressão facial e que podem ser utilizado tanto por homens quanto por mulheres", revelou.

Tania disse também que esta técnica deve ser conciliada comas atividades físicas e destacou que seria importante que as pessoas que frequentam uma academia fizessem ao menos uma vez por semana uma sessão de massagem, por causa das dores causadas pelos exercícios, devido ao movimento das fibras.

“Então a massoterapia faz a musculatura relaxar,assim como o alongamento", justifica.

A massoterapeuta falou ainda que a maioria das pessoas pode usufruir dos benefícios da massoterapia e que as contra-indicações existem apenas em casos especiais como no caso de pessoas com ferida, com dores prolongadas e que o médico recomende que não se tenha nenhum tipo de manipulação, pessoas com câncer e as que fizeram uma cirurgia recentemente.

fonte jornal.ofluminense.com.br/

Saiba como preparar sucos nutritivos e que fazem bem à saúde

Receitas melhoram o funcionamento dos sistemas digestivo e imunológico.
Frutas bem escolhidas, naturalmente doces, não precisam de mais açúcar

Sucos naturais são nutritivos, saudáveis e fáceis de preparar. No Bem Estar desta quinta-feira (15), a nutricionista Andréia Naves e a chef de cozinha Tatiana Cardoso explicaram os benefícios da bebida e deram receitas saudáveis para fazer em casa.

Mas é preciso atenção na hora de comprar as frutas. A repórter Marina Araújo foi até o Ceagesp, maior centro atacadista da América Latina, e descobriu o “certificado de fruta doce”. Segundo o engenheiro agrônomo Gabriel Bitencourt de Almeida, um aparelho chamado refratômetro mede o conteúdo sólido solúvel, ou seja, a doçura da fruta.

O sólido solúvel do suco representa a quantidade de açúcar que a fruta tem. A maioria das frutas tem entre 10% e 15% de açúcar. Mas algumas são mais ácidas e escondem o sabor doce, como o maracujá. Por exemplo, uma laranja boa tem 12% de açúcar. Então um copo com 300 ml de suco de laranja já tem cerca de 3 colheres de sopa de açúcar. É o mesmo que tem uma latinha de refrigerante, ou seja, não precisa adoçar o suco.


O abacaxi é uma das frutas que as pessoas têm mais dificuldade de escolher no mercado ou na feira. A melhor maneira de conhecer o abacaxi é pela abertura da malha, então quando elas já estão bem achatadas e separadas, é um indicativo de que a fruta está boa. Outro ponto importante é que se o abacaxi for de uma região mais quente, ele tem dificuldade em pegar cor, então ele pode estar verde e bom.

Além do abacaxi, os feirantes deram dicas para escolher o melão, a melancia e o abacate. No caso do melão, o mais pesado é o melhor porque indica que tem bastante suco. A melancia não pode estar amassada na casca e precisa estar bem vermelha. Abacates brilhantes devem ser evitados, os ásperos são melhores.

Todas as receitas de sucos fazem bem ao organismo, mas cada uma tem uma função predominante. Os sucos preparados no Bem Estar foram: desintoxicante, digestivo, que protege o sistema imunológico, tonificante para a pele e antioxidante. Veja como prepará-los:

Desintoxicante
Pensando na combinação de vegetais e frutas extremamente hidratantes como a maçã, o salsão e o pepino, que nos auxiliam na eliminação de toxinas, temos uma ação desintoxicante. Somada à ação antiinflamatória do hortelã, temos um verdadeiro elixir desintoxicante.

Ingredientes:
2 maçãs
2 talos de salsão
1 pepino médio
1 colher de sopa de folhas de hortelã

Modo de preparo: bata todos os ingredientes no liquidificador com um pouco de água. Adicione gelo e sirva
Rendimento: 1 porção

Digestivo
A erva doce e a erva cidreira são suaves e têm poder digestivo. Quando acrescentamos abacaxi, temos uma bebida aromática.

Ingredientes
1 xícara de chá de erva doce ou camomila gelado
1 pedaço de 15 cm de erva cidreira
1 uma fatia de abacaxi

Modo de preparo: bata todos os ingredientes no liquidificador. Sirva com pedras de gelo

Protetor do sistema imunológico
Quando você adiciona a vitamina C presente na laranja e na acerola, as forças da clorofila presentes na salsinha e o poder do gengibre e mel, o suco vira um anti-gripal.

Ingredientes
200 ml de suco de laranja
½ xícara de acerola
1 pedaço de 3 cm de gengibre
Um tufo de folhas de ervas frescas à escolha (salsinha, hortelã, cidreira ou manjericão)
Mel a gosto

Modo de preparo: bata tudo no liquidificador e coe. Sirva com gelo
Rendimento: 1 porção

Tonificante para a pele
A ação hidratante da água de coco, do mamão papaia e do abacaxi já seriam por si só excelentes tônicos para a pele. Mas as fibras da couve intensificam o trabalho intestinal e fazem deste suco uma verdadeira fórmula para uma pele limpa, bonita e saudável.

Ingrediente
200 ml de água de coco ou água
½ xícara de mamão papaia
½ xícara de abacaxi
1 folha de couve

Modo de preparo: bata tudo no liquidificador e sirva com pedras de gelo
Rendimento: 1 porção

Antioxidante
Os polifenois presentes nas frutas vermelhas dão o poder antioxidante da bebida.

Ingredientes
¼ de xícara de polpa de açaí congelado
¼ de xícara de morango picado
¼ de xícara de uva escura

Modo de preparo: bata tudo no liquidificador e, se necessário, acrescente água.
Rendimento: 1 porção

Se você preferir, pode fazer cubinhos de gelo com as frutas e com a couve. As frutas com mais água são as mais indicadas para fazer este preparo nas formas de gelo, como melancia, maracujá, maçã e kiwi. O preparo é simples: lave a fruta ou a couve e pique no liquidificador com 100 ml de água. Deixe bater bastante até ficar numa consistência de suco grosso - não é necessário acrescentar mais água. Coloque nas forminhas de gelo no congelador e deixe gelar.

Segundo as especialistas, é importante consumir o suco imediatamente após o preparo e evitar consumi-lo no almoço e no jantar já que ele atrapalha a digestão.


Fonte: bemestar

domingo, 18 de março de 2012

Iso Stretching promete combater problemas de postura e dor nas costas




Com exercícios que visam aumentar a flexibilidade dos músculos, o Iso Stretching promete combater os problemas relacionados à má postura e à dor nas costas. Saiba mais sobre essa novidade...

Está chegando ao Brasil uma técnica que promete combater os problemas relacionados à má postura, o Iso Stretching. A novidade se baseia em exercícios de postura ativa e na consciência corporal, podendo ser aplicada em qualquer idade.

Desenvolvido há 30 anos pelo cinesioterapeuta francês Bernard Redondo, o método tem como fundamento fortalecer e aumentar a flexibilidade dos músculos - importante para eliminar as "compensações posturais" que causam problemas como enxaquecas, dores nas articulações, LER (lesão por esforço repetitivo), falta de energia, gastrite, entre outros.

"O Iso Stretching pode ser aplicado em praticantes de esportes intensos, mulheres que usam salto alto no trabalho, pessoas que passam muitas horas em frente ao computador, que querem ganhar força muscular, para eliminar dores ou, simplesmente, para quem busca a prevenção de problemas músculo-articulares", afirma Valquiria Santiago, fisioterapeuta do SPA Natureza do Ser (SP), onde a técnica já é aplicada.

Por trabalhar o corpo em estado de contração e estiramento, em expirações prolongadas, a técnica melhora ainda a capacidade respiratória. Ela pode ser feita individualmente ou em grupos de até seis pessoas, sempre com a supervisão de um fisioterapeuta

Mais informações: http://www.naturezadoser.com.br/



video

sábado, 17 de março de 2012

Nódulos musculares



Origem dos nódulos musculares

Estilo de vida pouco ativo, fadiga constante, má qualidade de sono, diminuição da capacidade funcional, rigidez muscular excessiva, comportamento estressante, má postura e movimentos repetitivos podem incidir em nódulos ou ativá-los, se estiverem no estado latente. A contração muscular estática e prolongada pode gerar hipertonia crônica ou espasmo muscular.

Quando determinadas atividades profissionais ou esportistas solicitam excessivamente o sistema muscular e a pessoa apresenta queixas de dores difusas, é importante verificar a presença de nódulos ativos.

Músculos saudáveis não tem feixes rígidos e sua estrutura são livres de espasmos, rigidez e tensão; por isso não apresentam nódulos e dor quando palpados.

Os nódulos podem ser ativos ou latentes. São ativos nas áreas onde há queixas de dor e latentes quando presentes, mas sem queixa de dor. Ao serem tocados, os nódulos ativos podem mover-se ou recuar com uma contração súbita. Dependendo da tensão, os pontos latentes podem tornar-se ativos e, assim, dolorosos.

Os nódulos se manifestam em qualquer idade, ocorrendo mais em mulheres que em homens, e com maior frequência em pessoas de 30 a 50 anos.


Os nódulos e suas causas


Varias situações levam ao desenvolvimento de nódulos. Na região superior do trapézio (do ombro até mais ou menos o meio da coluna) é comum a presença de nódulos. Estes relacionam-se, em parte, a posição dos membros superiores elevados, como ao apoiar o telefone com o ombro e a cabeça, apoiar o cotovelo em mesas altas para ler ou escrever, e ao rotacionar a coluna cervical para digitar textos.

Se o músculo levantador da escápula (localizado no ombro) apresentar nódulos, isso normalmente esta relacionado a posição da cabeça em travesseiros inadequados, ao atendimento de telefones em ma posição ou a posição inadequada frente ao computador.

Outros fatores também podem causar aparecimento ou agravamento de nódulos musculares. Por exemplo: ao sentar-se, adaptar as condições da cadeira a estatura do usuário. Experimente, também, colocar um objeto no solo para apoio dos pés; quando possível, fique descalço e coloque um rolo de macarrão ou bolinha de tenis ou silicone para massagear-se; quando em pé, apoiar os dois pés paralelamente no solo; dormir em decubito lateral (com as duas pernas em paralelo), e se preciso, colocar um travesseiro entre as pernas para o corpo não rotacionar a noite, abandonando a posição lateral; ao levantar-se passar para a posição de decubito lateral( ou seja, de lado) flexionar os joelhos e com as duas mãos apoiados na cama, levantar o tronco ; sempre ficar de frente para um objeto no solo antes de apanha-lo.
Quando nao se faz alongamento, é possível manifestar-se encurtamento muscular e, subsequentemente, instalarem-se os nodulos.

Como desativar os nódulos

Exercícios de alongamento com diversos tipos de massagem ( Tui-ná, Shiatsu, Massoterapia entre outras) são indicados para desativar nódulos, estimulando o sistema mecânico e neuromuscular: reidratando, estimulam a produção de glicosaminoglicanas que beneficiam os músculos e diminuem seu estado semi-sólido quando tencionados, reduzem o tonus (endurecimento) muscular e rompem as adesões (nódulos) do sistema muscular.

sexta-feira, 16 de março de 2012

O relaxamento e massagem



Ou relaxação, chama-se assim aos métodos de descontração muscular e psíquica para atingir um descanso eficaz.

A maioria provem das técnicas orientais.

Em todas as atividades desportivas, a massagem tem um valor muito importante na recuperação dos atletas.Tanto na preparação para a competição, para o relaxamento e recuperação após a competição, assim como para tratamento de lesões.

A massagem antes da competição serve também para aquecimento e de alongamento dos músculos.

Após a competição a massagem acelera a recuperação muscular, pois melhora a circulação sanguínea e com isso o restauro do equilíbrio metabólico nos músculos.

Existem também as massagens localizadas que servem para o alívio de cãibras e fibroses, o tempo de recuperação das tendinites, lacerações musculares, torções e luxações diminuí.

Uma grande parte dos atletas dizem que se sentem muito melhor após uma sessão de massagem, pois todo o corpo fica mais tonificado mas também relaxado e os músculos mais soltos.

Como vemos, a massagem não só ajuda na recuperação de lesões como também funciona com prevenção, para quem leva o exercício até aos limites do seu corpo.

A massagem após a competição, torna-se muito importante na recuperação dos atletas, pois para além de melhorar a circulação sanguínea, o que faz com que o oxigénio chegue mais rapidamente aos músculos, alonga as fibras musculares.

A massagem para além de ter uma componente desintoxicante tem também a de calmante e alivio da dor.

Na massagem, esta deve ser feita por um especialista e de preferência antes e logo após a competição.

A massagem recebida no dia anterior a uma qualquer competição ou treino mais prolongado, condicionará e ajudará o corpo a estar preparado para esse esforço físico.

Com a massagem os músculos ficam muito mais relaxados e assim evitam-se as cãibras e o seu enrijecimento.

Atualmente nas massagens desportivas, a massagem de relaxamento é uma técnica utilizada para relaxar os músculos e aliviar a tensão acumulada durante os treinos ou competições

quinta-feira, 15 de março de 2012

O que é 'dor do crescimento'?

As dores do crescimento não estão relacionadas com doenças sérias e tendem a desaparecer na infância

A ''dor do crescimento'' em crianças e adolescentes se manifesta por episódios de dor em pernas, braços, coluna e/ou pescoço provenientes de músculos, articulações e até mesmo de ossos. Estas crises dolorosas podem acontecer de maneira eventual, repetitiva, de curta duração ou ocorrer por vários meses ou anos.

A dor do crescimento pode estar relacionada a alguma disfunção mecânica do corpo mais recorrente em crianças que praticam atividades esportivas não recomendadas para sua idade. Desvios posturais e fisiológicos dos membros inferiores também são causas de dores.

Antes dos sete anos, o sistema neuromuscular da criança não está completamente desenvolvido. Isso significa que ela ainda não tem coordenação motora suficiente para realizar uma atividade esportiva competitiva. Neste caso, a prática de esportes deve ser feita apenas em caráter recreativo. Atividades que exijam muita coordenação motora podem prejudicar a criança de duas formas: na parte muscular e estrutural.

Sempre que possível deve-se identificar a causa da dor e direcionar o tratamento específico para ela. Um simples exame físico pode ajudar a esclarecer e orientar o tratamento. De maneira geral, deve-se evitar o uso de medicações. Nos casos de dor de crescimento, algumas medidas, como massagem no membro acometido, podem ter bons resultados. As dores de crescimento não estão associadas normalmente com qualquer doença orgânica séria, e tendem a desaparecer no fim da infância.

Ludovico Pieri Neto - ortopedista (Londrina)

quarta-feira, 14 de março de 2012

Espondiloterapia



Quem já não sofreu com dores na coluna? Muitas pessoas tentaram de tudo para acabar com o mal sem obterem sucesso. As dores, quando persistem, podem até abalar o bom humor. Uma alternativa para solucionar esse problema é a Espondiloterapia.

A palavra espondilo vem do grego, significa vértebra; e terapia significa tratamento. Espondiloterapia, é pois Terapia Vertebral, que tem três objetivos básicos:

1. Aliviar as algias que o paciente sente;
2. Corrigir os desvios estruturais que o paciente apresente;
3. Beneficiar reflexológicamente o paciente
.

A Espondiloterapia é semelhante à de técnicas como quiroprática, seitai e osteopatia, mas ao mesmo tempo diferente porque a tração manual não é de alta velocidade. "Não buscamos, por exemplo, estalar a coluna, isso pode acontecer casualmente, mas não é um objetivo."

A técnica da Espondiloterapia procura descomprimir e realinhar a coluna, restabelecer os desvios, buscando regular a circulação normal das raízes nervosas ao nível do canal medular.

Com o uso da Espondiloterapia, é possível melhorar a qualidade de vida de uma pessoa por identificar e corrigir os fatores geradores de várias patologias ou desconfortos que a afligem, como: muitas das dores de cabeça, algumas das tonturas, dores na nuca, dores na musculatura do pescoço, dores no ombro, no cotovelo, dificuldades para fechar a mão ao acordar, tremores na vista, dificuldades para se fazer respirações profundas, dores no peito, azia (refluxo gastro-esofágico), dores nas costas (região torácica e lombar), dores que descem pela perna (glúteo, coxa, panturrilha), dores na articulação coxofemoral, câimbras noturnas, esporão no calcâneo (posterior e plantar), osteoporose, reumatismo e outro

Este “protocolo” tornou-se um verdadeiro “gerenciador” para a Avaliação, Interpretação e Tratamentos dos muitos problemas da Coluna Vertebral e, ou, seus comprometimentos buscando, nos sintomas neurocirculatórios uma relação com as alterações, para mais ou menos, nos desvios de eixo da coluna (ADEC) e, só então, aplicar o tratamento que, invariavelmente, inicia por uma orientação que, além dos esclarecimentos necessários, passa por uma reeducação postural objetivando restabelecer as curvaturas naturais da coluna do paciente (lordose lombar, cifose torácica, lordose cervical e escoliose). Após estas etapas (avaliação, interpretação e orientação) inicia-se, o que chamamos, ” apressar a cura” onde técnicas de tratametnos massoterápicos (Massagem Neurocirculatória / Drenagem Linfática Propeli), técnicas de Tração, Descompressão Vertebral e outras, que se fizerem necessárias, serão aplicadas, inclusive REPOUSO em posições especiais”. Desenvolvido e registrado pelo Mestre Rubens Balestro (INPI N°823246850)

terça-feira, 13 de março de 2012

Entenda como seu próprio corpo prejudica a postura



Você anda sentindo dores que não sabe de onde vêm? Não é só a má postura no uso do computador ou ao assistir à televisão que fazem mal para a sua coluna e rendem problemas nas costas. "O corpo é como uma balança, se algo pesa de um lado, os músculos e as articulações sofrem as consequências do outro" afirma o fisioterapeuta Oldack Borges de Barros, presidente da Sociedade Brasileira de RPG.

As costas curvadas, por exemplo, fazem com que a cabeça seja puxada para cima, para possibilitar o olhar para frente - efeito: aumentam os riscos de dores na coluna. E se a barriga faz com que o corpo tenda para frente, a região lombar se inclina para suportar o peso e até para se sentar você sente dores.

Os problemas não param aí e precisam ser olhados com atenção para evitar danos mais graves. Fique atento às principais causas de desvios posturais e agende uma consulta caso você note alguma das alterações no seu corpo.

Barriguinha saliente

A barriga fora de forma costuma ser projetada para frente. "Essa mudança de eixo postural causa uma hiperlordose lombar, que é o aumento da curvatura dessa parte da coluna", explica a fisioterapeuta Camila Luisa Sato, especializada em osteopatia. O bumbum fica mais empinado e comumente surgem dores na região inferior da coluna. Se abaixar ou mesmo sentar em cadeiras ou bancos mais baixos tendem a causar dor. A correção, neste caso, inclui o fortalecimento e alongamento dos músculos abdominais e a diminuição na curvatura da lombar.

Mais alto que a média

"Quem é muito alto geralmente tem que se curvar para conversar com as pessoas mais baixas. Com o tempo, essa postura gera um aumento da curvatura torácica (a corcunda)" afirma o fisioterapeuta Oldack. Consequentemente, há a acentuação da curva da cervical, num esforço para projetar a cabeça para a frente e mantê-la alinhada com o horizonte. A fisioterapia, o RPG e o pilates podem ajudar a desenvolver a conscientização corporal e o alongamento da região peitoral, trazendo solução ao problema.

Seios muito grandes

Os seios que são muito grandes pesam e podem fazer com que a curvatura torácica da coluna se acentue. Em consequência surgem dores e pode haver a necessidade de fazer cirurgia para reduzir o tamanho das mamas.

Para não deixar o problema chegar nesse estágio, a fisioterapeuta Camila dá a dica: faça exercícios que fortalecem a musculatura das costas e associe com alongamentos, principalmente dos músculos peitorais. Assim ficará mais fácil aguentar o peso e evitar encurtamentos.

A fisioterapeuta explica ainda que essas dores são muito comuns após o implante de próteses de silicone. "Nesses casos, o corpo não está preparado para suportar o acréscimo de peso aos seios e terá que encontrar um novo equilíbrio corporal".

Problemas de visão

O sistema visual, juntamente com os sistemas vestibular e proprioceptivo, é responsável por manter o equilíbrio do corpo e, consequentemente, manter a nossa postura. Assim, qualquer alteração da visão não tratada prejudica o equilíbrio do corpo e pode causar alterações de postura.

A mais comum delas é a hiperlordose cervical, ou seja, a projeção da cabeça para frente. Esse é um gesto comum em pessoas que têm problema de visão e esforçam-se para lançar o olhar mais adiante. "A compensação que o corpo faz é aumentar a cifose torácica (fazendo uma corcunda) com o objetivo de manter o equilíbrio", explica Camila Luisa.

Antes mesmo de procurar um ortopedista ou fisioterapeuta, vá ao oftalmologista para resolver a causa do problema.

Pé chato

Também chamado de pé plano, o pé chato causa uma inclinação dos ossos do tornozelo para dentro (o chamado pé pronado). Em consequência o joelho fica valgo, ou seja, inclinado para dentro. Essas alterações causam um realinhamento postural e podem causar dores, principalmente nos joelhos e quadril.

Usar palmilhas feitas sob medida e com recomendação de profissional qualificado pode melhorar o quadro. Mas se as alterações, principalmente do joelho, já estiverem instaladas, o fisioterapeuta Oldeck recomenda procurar métodos de tratamento como a fisioterapia e o RPG.

Sobrepeso

Uma pessoa com sobrepeso pode apresentar uma série de alterações posturais. Isso porque a concentração de gordura causa instabilidade músculo-esquelética, alterações do equilíbrio corporal, encurtamento da muscular da região posterior das pernas e coluna e alongamento excessivo da região anterior do corpo. Ou seja, muda completamente o alinhamento corporal.

A hiperlordose lombar e a inclinação anterior da pelve são as alterações mais marcantes. Juntas, elas podem ocasionar a rotação interna das pernas e aparecimento dos joelhos valgos (voltados para dentro) e pés planos - sem a curvatura natural na sola.

Emagrecer ajuda na correção. Mas, por já estar adaptado à postura inadequada, o corpo não se alinhará automaticamente. Exercícios posturais, feitos com supervisão de fisioterapeuta, são fundamentais durante e após o emagrecimento.

Bumbum grande

Uma pessoa com um bumbum grande, provavelmente terá uma hiperlordose (aumento da curvatura lombar), e isso pode causar a famosa dor lombar. "Para equilibrar o encurtamento da musculatura lombar, causado pela hiperlordose, a musculatura inferior do abdômen enfraquece. Além da flacidez, o músculo sofre com a falta de irrigação sanguínea e não contrai ou relaxa com a mesma eficiência, o que favorece ainda mais o acúmulo de gordura", afirma o presidente da Sociedade Brasileira de RPG.

minha vida

segunda-feira, 12 de março de 2012

AcroYoga



AcroYoga é uma prática que integra a Yoga tradicional segundo Patanjali com elementos de Acrobacia e Massagem Thai. É uma prática dinâmica e divertida de se praticar Yoga que agrega interação com o outro, companheirismo e superação de desafios.

Na AcroYoga todo movimento corporal também é um movimento nas emoções e na mente.

O que se pode trabalhar durante a prática de AcroYoga:

• Aperfeiçoamento de Asanas (Posturas);
• Acrobacia;
• Interação;
• Voar;
• Inversão;
• Massagem Thai;

sábado, 10 de março de 2012

Thai Yoga Massagem para atletas



Toda atividade muscular, rotinas de treinamento extenuante e competições frequentes provocam o acúmulo gradual de toxinas(ácido láticio,dióxido de carbono)no organismo, produz rigidez muscular.Para que isso não aconteça é preciso que nosso organismo elimine as toxinas acumuladas na circulação.O acúmulo de toxinas provoca endurecimento gradual das fibras musculares, acarreta na diminuição do poder de contração,diminuição de circulação do sangue e energia vital,tornando a irrigação capilar insuficiente.Se o processo de rigidez muscular persistir, o passo seguinte podera ser o surgimento da contratura muscular.

Neste estágio, as articulações, os órgãos e os sistemas são afetados, provocando desequilíbrio energético no organismo, comprometendo o sistema músculo-esqueletico, ocasionando o surgimento da fadiga muscular e a manifestação da dor. Dependendo da freqüência e duração da dor, inicia-se então, o processo da dor crônica. (A dor é a manifestação clara de que existe desequilíbrio no organismo) As diversas técnicas e manipulações empregadas durante a massagem foram desenvolvidas para diminuir a dor crônica e aliviar a rigidez muscular. Por outro lado, sessões freqüentes contribuem para aumentar a irrigação capilar, relaxar a musculatura, melhorar o fluxo de sangue e de energia vital, bem como facilitar a eliminação de toxinas nocivas à saúde e diminuir a dor e a rigidez muscular.

Os benefícios da massagem para o atleta

•Aumenta flexibilidade
•Melhora a postura
•Propicia profundo relaxamento físico e mental
•Aumenta o nível de energia vital
•Aumenta o nível de consciência corporal
•Melhora a circulação do sangue e da linfa
•Diminui o inchaço e a sensação de cansaço nos membros inferiores (pernas)
•Promove integração entre os órgãos internos e sistemas do corpo
•Melhora o fluxo de energia que circula no corpo
•Promove profunda integração entre corpo, mente e espírito
•Previne tendinites e luxações
•Diminui o cansaço físico
•Diminui a dor muscular articular
•Previne lesões e distensões
•Diminui a rigidez muscular
•Facilita a eliminação de toxinas
•Aumenta a mobilidade articular
•Equilibra a simetria (músculo – esquelético) do corpo
•Facilita a liberação de bloqueios emocionais
•Nutre e relaxa o corpo, promovendo um estado de mente pacificada
•Auxilia o sistema nervoso central, regulando o corpo, enquanto registra os benefícios alcançados pela diminuição da tensão, estresse e rigidez muscular

sexta-feira, 9 de março de 2012

Massagens auxiliam no bem-estar e desempenho do atleta



Caminhadas e exercícios físicos exigem bastante do nosso corpo. Além da alimentação saudável, ingestão de líquidos e alongamentos, outra maneira de relaxar os músculos e manter o corpo bem adaptado aos esforços é a prática da massoterapia. As massagens podem ser terapêuticas, estéticas e de relaxamento.

A massagem corporal pode ser feita de diversas maneiras, cada técnica possui um objetivo. Os efeitos da massagem trazem ao corpo uma sensação relaxante, sedativa e até mesmo efeitos como estímulos e excitação dos tecidos também colaboram na circulação da corrente sanguínea.

Os movimentos agem diretamente nos vasos linfáticos, fazendo com que essa circulação melhore a resistência contra as infecções. A técnica bem feita também faz com que o oxigênio chegue aos tecidos, expelindo o gás carbônico que surge através do processo celular de eliminação dos resíduos. As massagens auxiliam também na tensão muscular, fortalecem o sistema imunológico e colaboram para a diminuição do stress e ansiedade.

Com todos esses benefícios, com certeza as técnicas irão auxiliar no seu desempenho como corredor.

quarta-feira, 7 de março de 2012

Exercício em grupo é sinônimo de felicidade



Sair com os amigos para correr ou fazer uma aula coletiva na academia o fará se sentir muito melhor do que se resolvesse se exercitar sozinho, de acordo com pesquisa publicada na revista Biology Letters.

Quando malhamos, hormônios da felicidade chamados de endorfinas são liberados pelo corpo, resultando em uma espécie de “barato”, ou seja, uma euforia que já chegou a ser comparada a promovida por drogas.

A produção de endorfina também tem um efeito protetor contra a dor. Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Oxford mediu a produção desse hormônio em um grupo de remadores que praticaram o esporte juntos (em um barco coletivo) e sozinhos. Os resultados mostraram que os esportistas que remaram juntos tiverem muito mais tolerância a dor do que os que entraram no barco sozinhos.

Não apenas os resultados mostram os claros benefícios de fazer atividade física ao lado de outras pessoas, dizem os pesquisadores, mas ajuda a explicar por que atividades coletivas, com a dança, por exemplo, nos fazem sentir tão bem.

texto: Vanessa de Sá

terça-feira, 6 de março de 2012

Os melhores exercícios para reduzir as dores de costas


A dor de costas, principalmente aquela que se manifesta na parte inferior das costas, é muito comum nos jovens e adultos e é principalmente causada por excesso de treino (overtraining) ou lesão muscular. A prática de exercício físico, ao contrário do que se pensa, pode ajudar a reduzir e a prevenir estas dores.

Músculos fracos, nomeadamente os das costas e os abdominais, contribuem para o agravar das dores de costas. É por isso que é tão importante alongar e fortalecer os músculos destas zonas. O exercício físico fortalece os músculos que suportam a coluna. Fortes músculos abdominais e flexores ajudam as pessoas a manterem uma postura erecta. Também os músculos extensores, que acompanham toda a extensão das costas, são importantes pois mantêm o alinhamento das vértebras.

Os exercícios que visam a redução da dor de costas podem ser feitos em casa. A intensidade deve ser moderada e ir aumentando gradualmente com o passar do tempo. Mas atenção… nem todos os exercícios são adequados para a dor de costas. Alguns podem, inclusive, piorar a dor. Fica a saber que exercícios deves ou não fazer:

Faz:
1) Abdominais parciais

Abdominais parciais podem ajudar a fortalecer os músculos das costas e do estômago. “Abdominal parcial” significa que não completas o exercício de abdominal, apenas levantas um pouco os ombros do chão. Devem ser os músculos abdominais a trabalhar e não os braços ou os cotovelos a elevarem o pescoço.

2) Alongamento das coxas

Este exercício é bom para aliviar a dor na parte inferior das costas. Mantém a perna estendida e alonga a coxa colocando uma toalha na sola da sapatilha, puxando-a para baixo.

3) Sentar apoiando-se na parede

Encosta as costas flectindo os joelhos, como se estivesses sentado. Desliza para baixo e para cima sempre pressionando a parte inferior das costas contra a parede.

4) Elevação das costas

Deita-te no chão com a barriga para baixo e coloca as mãos por baixo dos seus ombros, à largura dos mesmos. Faz força com as mãos de modo a que os teus ombros se afastem do chão.

5) Posição “pássaro-cão”

Apoia as mãos e os joelhos no chão. Eleva uma perna e deixa a outra apoiada no chão. Aguenta essa posição por 5 segundos e depois troca de perna. Repete 8 a 12 vezes, tentando sempre aumentar o tempo que mantens a perna elevada. Faz o mesmo com os braços, esticando um de cada vez. Este exercício é excelente para aprender a estabilizar a parte inferior das costas durante o movimento dos braços e das pernas.

6) Levar o joelho ao peito

Deita-te de costas com os joelhos dobrados e a sola das sapatilhas pousada no chão. Leva um joelho ao peito, mantendo o outro pé apoiado no chão. Volta à posição inicial e repete o mesmo com o outro joelho. Durante os movimentos, a parte inferior das costas deve permanecer sempre em contato com o chão. Repete o movimento duas a quatro vezes para cada perna.

7) Respiração pélvica

Deita-te de costas com os joelhos dobrados e os pés pousados no chão. Inspira profundamente. Vais sentir as costas a pressionarem contra o chão. Repete 8 a 12 vezes.

8 ) Fazer posição de ponte

Deita-te de costas com os joelhos dobrados e os pés pousados no chão. Move os pés de forma a ficares apenas com os calcanhares apoiados no chão. Mantém-te nesta posição durante 6 segundos e regressa à posição inicial. Descansa 10 segundos e repete. Evita arquear muito as costas durante o movimento.

9) Exercício aeróbico

Caminhar, nadar ou andar de bicicleta pode ajudar-te a reduzir as dores nas costas.

10) Experimentar alguns movimentos de pilates

O método pilates diz respeito a uma série de alongamentos e exercícios que utilizam o peso do próprio corpo para a sua execução. Estes exercícios focam-se nas diferentes regiões do corpo e têm como objetivo aumentar a flexibilidade e a força muscular. Ou seja, o pilates melhora a condição física, a postura e tonifica os músculos. Se tiveres dores de costas comunica-o ao instrutor, pois poderás ter de saltar alguns movimentos.

11) Levantar pesos

Se executados em condições, os exercícios de musculação não só não prejudicam a dor de costas como ajudarão a preveni-la. O problema reside no fato de que grande parte dos seus praticantes não executa bem os movimentos. Se fores iniciado, deves procurar sempre fazer os exercícios debaixo da supervisão de um instrutor. Se tens dores de costas comunica-o ao instrutor porque há exercícios que deverás evitar fazer.

Evita:
1) Tocar com as mãos nos dedos dos pés

Este exercício coloca uma grande quantidade de stress nos discos e nos ligamentos da espinha dorsal, bem como nos músculos da parte inferior das costas e das coxas.

2) Abdominais completos

Um abdominal completo coloca muita pressão nos discos da espinha. Deves optar antes por abdominais parciais (ver acima).

3) Elevação das pernas em posição deitada

Este é um excelente exercício para fortalecer o núcleo das costas e os abdominais, sem dúvida. Mas apenas deve ser feito quando não se tem nenhuma lesão nem dor. Em vez de executares o exercício , coloca-te de costas com uma perna esticada e a outra dobrada, elevando a perna esticada em cerca de 15 cm.
____________________________________________________________________
REFERÊNCIAS OU NOTAS:
- Hayden, J & van Tulder, M & Tomlinson, G., Systematic Review: Strategies for Using Exercise Therapy To Improve Outcomes in Chronic Low Back Pain, Annals of Internal Medicine Vol. 142, Nº 9, págs. 776-785, Maio 2005

segunda-feira, 5 de março de 2012

Massoterapia nos esportes



Massoterapia é um grupo de técnicas e procedimentos terapêuticos naturais, não invasivos, tradicionais e contemporâneos, que tem como objetivo manter a saúde e prevenir desequilíbrios, contribuir na promoção do bem estar e da melhor qualidade de vida, assim como, em ação conjunta e complementar com as técnicas terapêuticas da medicina oficial, propiciar uma prática de cooperação em níveis e estágios diferenciados, visando maior eficácia nos tratamentos de saúde.

O toque utilizado pela Massoterapia pode ser mais profundo ou mais sutil, de acordo com o objetivo da especialidade, tal como atuar na estrutura mecânica do corpo, estimular ou sedar algum estado energético e/ou fisiológico, conduzir a autoconsciência ou trabalhar campos energéticos.

As ações da Massoterapia são:
•maximizar a circulação da energia vital pelo corpo;
•estimular a circulação de uma forma geral;
•favorecer o autoconhecimento e autoconsciência;
•auxiliar no combate de dores;
•contribuir para a organização do tônus muscular;
•contribuir para a normalização das funções fisiológicas;
•auxiliar na administração das tensões e do estresse;

A massagem como terapia de reabilitação tem sua aplicação bastante conhecida por causa do futebol, onde quase todos os times contam com um massagista para auxiliar na recuperação muscular e ajudar na reabilitação em alguns casos de lesões, mas esse trabalho não é uma característica só do futebol, e sim de vários esportes, como natação, atletismo, triatlon e outras. Massoterapia ainda tem aplicação na prevenção de distensões e lesões, que podem acontecer por causa excesso de tensão.

domingo, 4 de março de 2012

Frases de incentivo



O animal é tão ou mais sábio do que o homem: conhece a medida da sua necessidade, enquanto o homem a ignora.

(Demócrito)

Como as pessoas podem me julgar ? não são nada meu, e durante esses anos todos nunca me deram nada.

(Tupac Amaru Shakur)

O excesso de atenção que temos com o perigo faz, na maioria das vezes, que caíamos nele.

(Jean de La Fontaine)

Não se pode resolver os problemas utilizando o mesmo tipo de pensamento que usamos quando os criamos.

(Albert Einstein)

sábado, 3 de março de 2012

Massoterapia é indicada em casos de tensões musculares



A massagem pode ir além de funções estéticas e redução de peso. Aliando relaxamento e tratamento, a massoterapia serve como auxiliar em procedimentos que envolvem problemas relacionados à tensão muscular. Em sessões que variam entre 40 minutos e uma hora, o massoterapeuta (profissional com formação técnica na área) aplica as massagens de acordo com a necessidade de cada cliente.

Especificidades não faltam nessa atividade procurada por um público extremamente diversificado. Além do procedimento empregado na sessão, também variam os motivos pelos quais se busca a massoterapia. Os clientes podem ser homens ou mulheres, jovens e idosos.

Segundo o massoterapeuta Giovani Alves, as mulheres costumam procurar o serviço interessadas no relaxamento provocado por esse tipo de massagem, que auxilia a reduzir incômodos relacionados ao uso excessivo de salto alto e tensão pré-menstrual. Já os homens costumam buscar a técnica por motivos relacionados a dores agudas ou crônicas, causadas, em parte, por esforços de maior porte, como os jogos de futebol de final de semana (a chamada “pelada”) e por vícios de postura.

Antes de iniciar o tratamentos, os clientes passam por avaliação realizada pelo massoterapeuta, para identificar quais as necessidades de cada caso. Em alguns casos, a indicação para o tratamento com massoterapia vem dos médicos que acompanham o paciente, em especial quando esta é associada à drenagem linfática. Giovani explica que é comum atender pacientes indicados por clínicos gerais, ortopedistas e cirurgiões vasculares e plásticos. “A massoterapia pode ser uma grande aliada no tratamento de problemas de saúde”, explica o profissional.

Informada sobre as vantagens da massoterapia, a médica otorrina Lêda Matos, 46 anos, resolveu sentir na pele os efeitos da técnica frequentemente indicada por seus colegas. Há cerca de três anos, entrou em contato com Giovani para iniciar as sessões, que costuma fazer, atualmente, de duas a três vezes por semana. No início, porém, elas eram diárias, já que Lêda apresentava um quadro mais grave de fortes dores na coluna.

“A massagem é muito boa, serve para a gente relaxar. Minha qualidade de vida aumentou muito, agora tenho bem menos dores e problemas relacionados ao estresse”, explica. Ela afirma ainda que a intesidade da massagem é decidida de acordo com a necessidade e os incômodos do dia. “Às vezes, Giovane vem com um plano diferente do que havia imaginado para aquela sessão, mas nós sempre conversamos e chegamos a um denominador co­mum”, explica. Lêda indicou a técnica para o marido, em estágio pós-operatório, que passou a ser submetido à drenagem linfática, auxiliando em sua recuperação.

Fonte: Folha PE

quinta-feira, 1 de março de 2012

Terapias naturais ajudam os atletas



Medicina alternativa traz equilíbrio ao organismo, promove bem estar, relaxamento físico e mental e contribui para a saúde em geral.

Dores, contusões e fadiga muscular fazem parte do dia a dia dos atletas. Os treinos exaustivos são necessários para ter sucesso na carreira e obter bons resultados nas competições, mas o corpo sofre com o desgaste. “Um atleta é um ser humano como qualquer outro e a intensidade dos exercícios pode acabar provocando lesões e muito cansaço. Além disso, o organismo consome mais energia e uma alimentação inadequada, sem a quantidade necessária de nutrientes, prejudica a saúde”, afirma Paulo Edson Reis Jacob Neto, terapeuta holístico, ortomolecular e professor.

Mesmo com o auxílio da medicina desportiva, também denominada medicina esportiva ou do esporte, os atletas precisam de outras alternativas, como as terapias naturais e complementares, para beneficiar a saúde. A medicina desportiva estuda os exercícios, treinamentos e esportes de uma forma geral, com o objetivo de promover o bem estar do atleta, tratar e prevenir lesões. “Esta especialidade avalia a capacidade de rendimento, analisa as características físicas e dá assistência aos esportistas. A medicina complementar pode atuar em parceria com a desportiva”, ressalta.

Paulo aponta que as terapias naturais são de grande valia para quem pratica esportes, pois envolvem o corpo e a mente. As atividades esportivas exigem muito do físico do atleta, mas também envolvem aspectos mentais. “O esportista tem que estar concentrado, ter espírito competitivo e ao mesmo tempo ter humildade para admitir que possui falhas. É preciso lidar com o fracasso e o sucesso, com a pressão e a expectativa dos pessoas e de si próprio. Por isso é fundamental cuidar da mente, administrando todo o estresse”, destaca.

Na área mental as terapias naturais promovem o equilíbrio do organismo por meio da força da mente do paciente. Métodos respiratórios, imagéticos ou mentais podem ser utilizados nas sessões de meditação e hipnose, por exemplo. “A terapia de respiração é outra estratégia eficaz. Os exercícios suaves e a respiração profunda desbloqueiam as sensações de dor, como uma limpeza de energias negativas. A técnica atua como um fortalecimento que revigora a energia vital do corpo”, esclarece o terapeuta, presidente do Sindicato dos Terapeutas do Estado do Rio de Janeiro (Sinter-RJ).

Os atletas podem se beneficiar das terapias naturais que atuam especificamente na área corporal, na qual estão reunidos tratamentos que empregam a manipulação do corpo, seja com toques, massagens, pressões ou alongamento. “A massoterapia e a drenagem linfática são algumas opções. Vários estudos comprovam os benefícios da massagem para a saúde, incluindo o fortalecimento do sistema imunológico, que merece atenção especial no caso das pessoas que praticam esportes com frequência, e melhora da circulação sanguínea”, observa.

A massagem acelera a recuperação em casos de lesões, alivia as dores e tensões musculares e pode até contribuir para o progresso no desempenho do atleta. Existem os pontos corretos para a manipulação, conhecidos pelos terapeutas qualificados. “Na massoterapia são feitos toques sobre as articulações e tecidos moles, alongamentos e aplicações com temperaturas diferentes. Com os movimentos o paciente consegue relaxar, há uma redução nos líquidos e toxinas do corpo e as distensões são prevenidas”, evidencia Paulo.

O terapeuta recomenda as sessões de massoterapia após a realização de exercícios físicos intensos. A massagem ainda ajuda a aumentar a flexibilidade, melhora a disposição e ameniza o cansaço físico e mental. “Os toques são capazes de ativar elementos sensoriais, estimulando alterações em glândulas, músculos, neurônios e na mente. A massagem tem o poder de minimizar quadros de ansiedade, nervosismo, tensão e estresse. A condição da saúde psicológica afeta diretamente a saúde física. O ideal é não descuidar nem da cabeça nem do corpo”, acrescenta.

Site: http://www.siterrj.org

Fone: (21) 2567-3307/8485-6730

Endereço: Rua Carmela Dutra, 61, Tijuca, Rio de Janeiro/RJ
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts with Thumbnails