Páginas

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

sábado, 29 de outubro de 2016

MASSAGEM DESPORTIVA - Ela deve ser realizada para prevenir lesões.


Para quem pratica atividade física é fundamental conhecer mais sobre o que é a massagem desportiva, pois acredito que seus rendimentos irão aumentar consideravelmente.
Se você já sentiu dores após um treino, uma corrida, uma competição, saiba que a massagem desportiva é a técnica mais indicada para sua preparação e alívio de dores, pois ela melhora a circulação sanguínea e ajuda a eliminar as toxinas existentes na musculatura.

MAIS SOBRE O QUE É MASSAGEM DESPORTIVA

Esta técnica é indicada tanto para amadores e profissionais e pode ser feita na pré e pós-competição.
Esta massagem age nas dores do atleta, mas é indicada não só quando se tem lesão e sim, principalmente, ao contrário. Ela deve ser realizada para prevenir lesões.
A massagem desportiva pode ser feito nos dias do treinamento ou em dias intercalados. Após competição serve para relaxar a musculatura que foi sobrecarregada devido às competições.

QUAIS OS BENEFÍCIOS DA MASSAGEM DESPORTIVA?

Dentre os diversos benefícios desta técnica, podemos destacar:
  1. Prepara a musculatura para o exercício
  2. Aumenta a circulação sanguínea
  3. Elimina as toxinas da musculatura
  4. Previne lesões da musculatura e tendões
  5. Tonifica o tecido muscular
  6. Estimula a produção de adrenalina
  7. Alivia as dores pós-treino

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Massoterapia Desportiva traz vários benefícios para a pessoa tratada



Os primeiros registros de massagem desportiva são encontrados nas antigas culturas grega e romana. Os gregos usavam massagem nas Olimpíadas para aliviar dores e aumentar a recuperação muscular dos atletas. Na verdade, os massagistas antigos eram médicos e tinham um status grande na sociedade. Até hoje, a massagem desportiva é tida como uma profissão respeitada e quase todo atleta ou clube de elite que atua na área do esporte, tem um ou vários massagistas contratados. Na verdade, durante muitas centenas de anos em que a prática da massagem foi considerada como um trabalho não sério, a massagem desportiva sempre sobreviveu como um serviço importante dentro da área do esporte.

A massagem desportiva traz vários benefícios para a pessoa tratada. 

A grande diferença entre a massagem desportiva e a relaxante é a vigor e a velocidade. A massagem desportiva usa movimentos e manobras mais rápidas e mais fortes para aumentar a circulação sanguínea, o que traz uma recuperação mais eficaz depois um esforço físico. A gente pode dividir a massagem desportiva em dois campos. O primeiro é aplicado depois um esforço físico para recuperar a musculatura. O segundo é aplicado antes do esforço físico para preparar a musculatura para a tarefa. Enquanto a massagem relaxante libera hormônios que acalmam o corpo como ocitocina e endorfinas, a massagem desportiva, devido aos movimentos mais vigorosos, pode liberar adrenalina, que agita o atleta antes do esforço físico.

A massagem desportiva pode concentrar a atuação em áreas isoladas para resolver problemas na musculatura, nos tendões ou nas articulações. Não costuma ser aplicada como uma massagem completa, que visa mais um relaxamento geral

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

DICA PARA O VERÃO - Depilação masculina




Depilação masculina pede cuidados especiais com método e aplicação
Embora no passado a depilação tenha sido tratada como um hábito majoritariamente feminino, hoje em dia a prática está sendo adotada também por homens que procuram cuidar melhor da higiene, ou mesmo aqueles que possuem pelos excessivos em determinadas partes do corpo, como costas e peito, e sentem-se incomodados com isso.

Se você não quer depilar completamente os pelos, mas sente que eles incomodam, uma opção é apenas aparar com máquinas adequadas para essa finalidade

É aconselhável aparar os pelos das axilas e os pubianos, ajudando a manter a higiene local e diminuindo os odores

No entanto, são necessários cuidados diferentes para a depilação masculina, principalmente porque os pelos em geral estão em maior quantidade e são mais grossos do que os femininos.

As lâminas não são as mais indicadas para remover pelos de outras regiões da pele masculina, como peito, costas, região íntima e axilas.

Elas não eliminam o pelo da raiz e podem provocar coceiras e irritações com mais facilidade. Além disso, é um método que causa desconforto, pois o homem precisará repetir várias vezes na mesma semana.

A cera quente provoca menos dor que a fria, por dilatar os poros no processo, facilitando a retirada dos pêlos.

Não saia sem passar um filtro solar na área depilada, pelo menos enquanto perdurar a vermelhidão do local, pois se pegar sol, vai manchar.

Recomenda-se também quem gosta de pegar uma praia, piscina ou fica por algum tempo exposto ao sol o ideal é fazer a depilação dias antes e tratar a pele com produtos espacializados para tal, não depile e saia ao sol mesmo com protetor solar no mesmo dia, pois a pele fica muito sensível após depilação e a cada ano o sol está mais forte mesmo ficando sob a sombra.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

A massagem desportiva



A massagem desportiva é indicada para preparar e recuperar a musculatura de atletas. Antes (na preparação da musculatura) e Depois ( para limpeza muscular) da atividade física, ajuda no alívio de dores musculares, melhora a circulação sanguínea e atua na eliminação de toxinas existentes. 
Intensidade do toque: Intenso - Moderado

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Desportiva massagem


Indicada para quem pratica algum tipo de esporte. O foco são os grupos musculares mais solicitados na realização da atividade física em questão. Os benefícios incluem o relaxamento da musculatura e melhora da circulação do sangue e oxigenação das células. Com isso, o atleta é capaz de recuperar seus grupos musculares mais rapidamente, bem como o vigor físico.

domingo, 23 de outubro de 2016

Massagem nos pés


A massagem geralmente é citada como um remédio para muitos tipos de dores nos pés - de câibras repentinas a dores contínuas devido à gravidez. Mas aqui vai um segredo: você pode - e deve - massagear os pés mesmo quando não estiverem doloridos. Por isso, qualquer pessoa deve saber como fazer uma massagem nos pés!
Uma razão, evidentemente, é que ela é muito agradável. Mas a massagem também deixa seus pés mais saudáveis. Ela exercita os músculos e estimula o fluxo sangüíneo.
É um excelente remédio preventivo: quanto mais fortes e flexíveis forem os músculos dos seus pés, menores são as chances de eles ficarem cansados ou sofrerem uma lesão quando usá-los para andar ou praticar algum esporte.
E a massagem é uma importante ferramenta de recuperação para aqueles que recentemente fizeram uma cirurgia no pé: levando mais sangue aos pés, a massagem ajuda a acelerar a regeneração do tecido e a curar os músculos lesados.
Sem dúvida, a massagem nos pés fica mais agradável se tiver alguém que a faça em você.
Mas isso nem sempre é possível. Felizmente, nessa seção, você aprenderá a ser um mestre em massagem.
Antes da massagem, relaxe os músculos dos pés aquecendo-os.
Você pode fazer isso simplesmente com uma compressa quente.
Ou, se preferir, deixar os pés de molho em água morna e epsomita (cerca de 15 minutos). Uma terceira opção: mantenha os pés embaixo da água corrente por dez minutos, aumentando gradualmente (cuidado para não deixar a água muito quente) e, em seguida, diminuindo sua temperatura.








Agora, você está pronto para começar a massagem. Apóie um pé sobre o joelho da outra perna e vire a sola para você. Espalhe creme hidratante na sola ou nas mãos.
Usando os polegares, massageie as solas em movimentos circulares e profundos. Comece na região logo atrás dos dedos
e siga em direção ao calcanhar. Concentre-se em áreas pequenas. Quando tiver terminado a sola, vire o pé e massageie o peito, ainda usando os polegares.
Novamente, trabalhe em pequenas áreas e massageie todo o peito do pé.
Assim que terminar, vá para os dedos. Puxe cada um deles, lenta e suavemente; massageie-o torcendo suas laterais, trabalhando da base do dedo para fora; mexa-o para trás e para frente.
Agora, repita o mesmo procedimento no outro pé.
Embora a rotina acima proporcione uma boa massagem, aqui vão algumas dicas que aumentarão ainda mais a circulação e darão a seus pés uma sensação de formigamento:
-aperte toda a lateral externa do pé.
-bata levemente nas solas com as costas da mão ou com a mão fechada; faça isso ao longo da sola.
-use as duas mãos para virar o pé em direções contrárias, torcendo-o como se fosse uma esponja.
-se algum lugar do pé estiver tenso e doer, em vez de massageá-lo, apenas pressione firme no local com os polegares, mantenha alguns segundos e solte.
Você pode usar um creme que contenha mentol para dar uma sensação refrescante durante a massagem.
Finalmente, se seus pés precisam ser massageados, mas você não quer ou não pode fazê-lo devido à artrite ou a qualquer outro problema de saúde, você pode experimentar um equipamento de redemoinho de água que massageia seus pés para você. Entretanto, você deve evitar vibrações fortes se tiver histórico de coágulos sangüíneos. Esses dispositivos de redemoinho geralmente podem ser comprados em farmácias.
Embora nada seja tão fabuloso quanto uma massagem, o tamanho certo e o estilo dos sapatos podem fazer uma grande diferença em como seus pés se sentirão.

sábado, 22 de outubro de 2016

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Mioterapia


A mioterapia é um  método especial de terapia manual cujo principal objetivo é a diminuição da tensão e dor muscular.

Esse método auxilia a correção da postura, conforto corporal, diminuição do estresse e a otimização do desempenho atlético. Sua aplicação é executada em macas, sempre de maneira confortável e relaxante.

A mioterapia  tem resultados diferenciados de outras técnicas similares, tratando de maneira eficaz e duradoura os pontos-gatilho (trigger points) e os pontos-sensíveis (tender points), que são responsáveis pela chamada síndrome dolorosa miofascial, confundida muitas vezes com a síndrome da fibromialgia, por possuírem alguns sinais e sintomas parecidos.

Ponto-gatilho (trigger point): São extremamente comuns, podendo provocar dor local ou referida. Estando presentes, causam a diminuição da ADM (movimento da articulação), mesmo não provocando dor. Estes pontos-gatilhos contribuem para as alterações posturais, muito conhecidas pelos profissionais da área da saúde, havendo poucos profissionais que sabem lidar. Estes pontos-gatilhos podem ser miofasciais ou não-miofasciais, sendo os miofasciais os mais comuns.
Existem aproximadamente 200 pares que compõe 400 músculos que podem apresentar os pontos-gatilho causando dor e disfunção motora.

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

O ESPORTE E A MASSAGEM





As massagens termoterapêuticas  alinham a coluna (o que é fundamental para a manutenção da saúde), aumentam o rendimento das atividades físicas, aliviam a tensão nervosa e relaxam os músculos; reduzem a dor em terminações nervosas, aquecendo as fibras musculares; melhoram o equilíbrio da pressão arterial, glicemia e nutrientes nas células, resultando em músculos com maior força, vitalidade e estabilidade. Melhoram o desempenho físico e reduzem o estresse; estimulam muitos nervos do cérebro, induzindo à produção de vários hormônios, entre eles os que influenciam no desempenho físico; ajudam na eliminação do excesso de ácido láctico; aumentam a eficiência em todas as atividades esportivas e físicas do ser humano, atuando no equilíbrio bioenergético corpóreo.


Eliminam a fadiga - A maior causa da fadiga física é devida à inatividade das moléculas de água do corpo. A ineficiência na mobilidade dos fluidos do corpo afeta a circulação sangüínea, o suprimento de oxigênio e o metabolismo como um todo. Devido às propriedades da massagem, de ativar e estimular as moléculas de água, o metabolismo é significantemente acelerado, eliminando a fadiga.

Estudo realizado em esportistas demonstra os efeitos de redução do ácido láctico. A eliminação do excesso de ácido láctico combate as cãibras.

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

terça-feira, 18 de outubro de 2016

Massagem Terapêutica



Os Benefícios da Massagem Terapêutica podem ser a nível dos músculos, dos ossos, do sistema nervoso, da pele, do sistema circulatório e linfático, entre outros.
 
Nas zonas musculares a massagem vai promover um relaxamento, e ajudar a obter uma maior resistência e a elasticidade da fibra muscular. Nos ossos, a massagem assume um efeito benéfico na consolidação de fraturas, evitando calosidades anômalas. Ao nível da pele a massagem vai dar uma maior flexibilidade e aumentar assim a circulação sanguínea e linfática.

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Não subestime a sua dor!



Porque quanto mais espera, mais grave fica. A dor é uma sensação criada pela sua cabeça para lhe dizer que algo está errado. Sabe quando sente uma dor nas costas e pára por um momento para respirar, mexer e esticar? Pois é o seu inconsciente dizendo-lhe para fazer isso, que realmente funciona, alivia. E o movimento é a cura para a maioria das suas dores. O movimento das articulações, músculos, ossos e até vísceras proporcionam a homeostasia (equilíbrio) do organismo. Então o primeiro conselho é: aprenda a escutar e a respeitar o seu corpo e dê a ele, o que ele pede.
Se sente dor no dia todo, provavelmente, há muito tempo que já não escuta o seu corpo. Não é normal sentir dor assim. Realmente, temos dores que passam de um dia para o outro. Isso porque o nosso corpo, desde que saudável, tem a capacidade de se recuperar de qualquer agressão sofrida (salvo os casos que tiveram perda de continuidade dos tecidos como fraturas e rupturas de tendão, por exemplo). Já quando uma dor é persistente e evolutiva, é quando essa capacidade de recuperação do nosso corpo está abaixo da sua necessidade. E é justamente nesse quadro que nos devemos questionar para a necessidade de procurar ajuda de um profissional. Dores que duram mais de 15 dias, que se mantêm ou pioram com o tempo. Alguns pontos merecem atenção redobrada, como dor em articulações ou dor irradiada. Estas tendem a ser de difícil resolução.
Seja rápido no combate às causas da dor!
Agora, se sente a mesma dor há muito tempo e ela vai sempre piorando, significa que a lesão também está piorando.
Vejamos um exemplo: sente dor na cervical há algumas semanas, principalmente no final do dia de trabalho, quando fica muito tempo em frente ao computador.
Se já nos primeiros 15 dias, procura ajuda e foi identificado que tem uma disfunção vertebral, e que fatores como posição do monitor e do teclado estão errados, isso pode ser facilmente resolvido. No entanto, não procurou ajuda e o quadro estende-se por meses. Esse quadro é propício para a formação de osteófitos (bico de papagaio), hérnia ou protusão discal. Ainda pode evoluir para dor irradiada para os braços, dor de cabeça, alterações hormonais e várias outras alterações.
Porém agora, o tratamento antigo já não é mais suficiente para corrigir o que precisa. Agora os tecidos foram lesados e já não tem cura, só controle. Agora, precisa muito mais esforço, dinheiro e o tempo que economizou lá atrás não procurando ajuda, terá que pagar com juros. E talvez tenha que se submeter a uma cirurgia e ainda não tendo a garantia de que ficará bom. Pois o quadro que o levou a isso ainda estará presente.
Aprenda a escutar e a espreitar o seu corpo!

domingo, 16 de outubro de 2016

5 dicas de massagens para aliviar a dor pós-treino



Após qualquer atividade física o corpo começa se recuperar do estresse em que os músculos foram submetidos durante os exercícios. As atividades realizadas nas 48 horas depois do exercício físico podem fazer valer a pena todo o seu esforço na academia. “Beber água, alongar-se e fazer uma massagem fazem parte da lista de prioridades que toda atleta deve cumprir após o exercício”.

Para hidratar o corpo é recomendado ingerir dois litros de água diário e 500 ml por hora de atividade física. O ideal é ingerir água antes, durante e depois da atividade. Já o alongamento é essencial e deve ser feito antes e depois da atividade. “Manter esse hábito é fundamental para preparar os músculos para o exercício e recuperá-los depois”.

Massagens para relaxar
As massagens são indispensáveis para relaxar o corpo após o treino. Confira a lista de massagens que podem ser feitas para aliviar a dor depois da atividade física:

1- Massagem desportiva 
A massagem desportiva é recomendada para atletas ou pessoas que praticam exercícios físicos com frequência. “Essa massagem pode ser feita antes até mesmo da atividade para prevenir lesões musculares e depois também para reduzir a tensão no pós-treino.

Como é feita?
A massagem é feita com vigor e com movimentos rápidos para recuperar os músculos e aumentar a circulação de sangue na musculatura. 


2- Massagem terapêutica  
A massagem terapêutica é caracterizada com técnicas manuais para equilibrar o corpo. A técnica desta massagem estimula o relaxamento e a regulação do sistema neuro-muscular.

Essa técnica de massagem pode atender várias situações como forma de tratamento na medicina alternativa. Se o atleta estiver sofrendo com fortes dores musculares, ou na articulações, uma boa massagem pode ser extremamente eficaz no tratamento destas disfunções, ou destas restrições musculares.  

Como é feita?
A técnica de massagem é feita com creme e consiste na aplicação de pressão com os dedos em pontos específicos do corpo para tirar os nódulos de tensão, também é feito o deslizamento nas costas e pernas para também proporcionar o relaxamento. O massagista pode tratar problemas nos músculos e ligamentos e tendões. 

3- Reflexologia
A reflexologia visa a estimular por meio de pressão, as zonas reflexas localizadas nas mãos e nos pés. A massagem é indicada para aliviar tensões, ativar a circulação e aumentar a vitalidade do corpo.

Como é feita?
A técnica faz pressões em pontos dos pés para refletir os órgãos internos e promovem uma sensação de relaxamento. 
Duração: 30 minutos

4 - Shiatsu
O shiatsu tem como base a medicina tradicional orientam e tem como sua principal função promover o bem-estar por meio de pontos vitais do corpo. A técnica é feita com as mãos e dedos e ajuda a reequilibrar as energias. 

Como é feita?
O terapeuta aplica a pressão com os seus polegares, dedos e palmas das mãos em áreas específicas do corpo, onde está com a dor. 


5- Massagem relaxante
A massagem relaxante tem a função de equilibrar o corpo e a mente. “A técnica é mais suave e utiliza movimentos leves deslizantes no corpo com o auxílio de óleos aromáticos para relaxar. Ela pode ser feita para aliviar o estresse, além disso, a massagem reduz a tensão muscular”. 

Como é feita?
A massagem relaxante é aplicada com óleos ou cremes, promovendo um bem estar e sensação de conforto e tranquilidade. 


sábado, 15 de outubro de 2016

Massagem tailandesa


Apesar do nome, esse tipo de massagem na verdade foi criado na Índia como uma arte curativa. O massoterapeuta trabalha fazendo movimentos de pressão e alongamento trabalhando todos os músculos do corpo. Ele usa, principalmente, os polegares e as palmas das mãos, mas pode utilizar, também, os cotovelos, antebraços e até os joelhos e pés. A massagem tailandesa é recomendada para quem quer relaxar o corpo e recuperar as energias. Ela é ótima para melhorar a circulação das pernas, por exemplo.

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Massagem com Alongamentos



Massagem que, ao atuar principalmente no tecido profundo, ajuda a relaxar a musculatura e a diminuir o acúmulo de ácido lático no corpo, promovendo o alívio de dores. Indicada para atletas, desportistas e pessoas com alto nível de tensão.


É uma atividade que irá promover um ganho de flexibilidade muscular, mobilidade articular e longevidade da coluna vertebral. Inclui técnicas passivas e ativas de alongamentos, indicado tanto para quem deseja sair do sedentarismo, quanto para atletas e treinos de alto impacto – ajuda a tratar e prevenir as lesões Osteomioarticulares.

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Massagem para corrigir a postura ou lesões


Má postura na frente do computador, carregar muito peso e/ou realizar movimentos bruscos pode causar contraturas e dores musculares. Caso isso aconteça é recomendado procurar um profissional para reduzir as tensões, melhorar a mobilidade e elasticidade dos músculos machucados. Nesse tipo de massagem, são aplicadas diferentes técnicas, como a relaxante e o shiatsu. Primeiro, procuramos relaxar o paciente e depois localizar quais são os pontos de tensão que deverão ser retirados.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

segunda-feira, 10 de outubro de 2016



Cuide de sua saúde e bem estar agregando ao seu treino ou tratamento a massagem como terapia complementar. Com toda certeza você alcançará melhores resultados!

Adequamos a melhor terapia para cada caso, através de diversas técnicas individuais ou associadas.

sábado, 8 de outubro de 2016

Massagem desportiva



Para ativar os músculos ou aliviar as dores, a massagem desportiva pode ser grande aliada de atletas — profissionais amadores ou até os que se consideram “esportistas de ocasião”, que vez ou outra investem numa corrida ou trilha, por exemplo. Diferentemente da massagem relaxante, o objetivo é melhorar a circulação sanguínea e aquecer para o exercício, ou, após a atividade física, para confortar os músculos, funcionando como uma drenagem linfática.
— A massagem relaxante é mais lenta. A desportiva envolve manobras de alongamento e de tratamento da musculatura, de forma rápida, profunda e intensa.
A massagem pode ser feita em qualquer parte do corpo, em especial as mais exigidas pela atividade do atleta:
— Um tenista usa toda a musculatura do corpo, mas os braços e a área escapular são as mais exigidas. O atleta pode escolher por ter uma massagem desportiva local ou no corpo todo.
Não há contraindicações para a atividade, mas pessoas com pressão alta devem fazer com orientação médica.
— Sempre tomar cuidado para não levantar rápido demais da maca depois da massagem, pois a pessoa pode ficar tonta, devido à distribuição de sangue — explica Sérgio Maurício, membro da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte e Exercício:
Outro cuidado é evitar fazer a massagem imediatamente após sentir dores agudas, como fisgadas, em alguma região do corpo.
Frequência: Depende da necessidade. Só não deve ser feita mais que uma vez ao dia. Mas pode ser feita todo dia.
Resultados: Os efeitos são vistos imediatamente, como a supressão da dor, por exemplo. Também são vistos no curto e médio prazo: até 3 dias depois, o corpo ainda manifesta os benefícios.
Especificidade: A massagem vai depender do estado clínico do atleta. Se houver contratura muscular por exaustão, manobras como amassamento profundo serão privilegiadas.
Fonte: EXTRA

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Massagem após os exercícios reduziu a intensidade das dores musculares tardias (DMT)



Uma boa massagem ajuda a diminuir a tensão muscular e a aumentar a amplitude dos movimentos, além de relaxar e recompensar os atletas por seu esforço.  Massagistas fazem parte das comitivas de corredores de elite por um bom motivo. O mesmo que explica as longas filas para massagens após a linha de chegada, nas corridas, mesmo as massagens mais intensas são muito procurada por esse público.
Segundo os corredores, uma boa massagem ajuda a diminuir a tensão muscular e a aumentar a amplitude dos movimentos, além de relaxar e recompensar os atletas por seu esforço.
“Eu digo que elas promovem até um bem-estar psicológico: é confortante receber uma massagem após a corrida”, diz Eduardo Marino, massoterapeuta formado pelo IBMR (Instituto Brasileiro de Medicina e Reabilitação).
A massagem aplica pressão em movimento nos músculos e outros tecidos, como tendões, ligamentos e fáscia (que envolve os músculos, como uma capa). “Essa energia amolece o tecido fascial e relaxa os músculos enrijecidos”, explica JoEllen. Além disso, remove aderências entre a fáscia e os músculos (pontos onde ambos estão grudados, restringindo o movimento muscular). A notícia é especialmente boa para você, corredor, porque seu corpo depende de articulações e músculos ágeis para ter desempenho máximo e sem dores.
Estudos publicados no Journal of Athletic Training e no British Journal of Sports Medicine constataram que a massagem após os exercícios reduziu a intensidade das dores musculares tardias (DMT) — aquela sensação de enrijecimento nas pernas que começa dois dias após o esforço. Outra pesquisa sugere que ela melhora a função imune e ainda ajuda a reduzir inflamações.
“Uma massagem adequada pós-corrida trabalha o músculo para amenizar um processo inflamatório, colaborando para a recuperação do atleta”, afirma Marino. Mark Rapaport, pesquisador da Emory University (EUA), descobriu que basta uma massagem para aumentar o número de vários tipos de linfócitos (glóbulos brancos essenciais para o combate a infecções) e, ao mesmo tempo, diminuir os níveis de cortisol (o “hormônio do estresse”, relacionado à inflamação crônica). Uma massagem também pode ajudar a conter doenças crônicas: “A inflamação sistêmica está associada a uma série de efeitos nocivos, como ataque cardíaco e AVC”, diz Rapaport.
A pesquisa de Crane encontrou menos inflamação nos membros massageados — e 30% a mais de um gene que ajuda as células musculares a produzir mitocôndrias (os “motores” que transformam o alimento de uma célula em energia e que facilitam seu reparo). “Isso sugere que a massagem poderia fazer com que os corredores tolerassem mais exercício e um treino mais pesado”, diz.

MARCAR O HORÁRIO

Massagens regulares podem acelerar a recuperação e são uma ferramenta de treinamento valiosa até para melhorar o desempenho. “A rigidez muscular pode causar problemas a longo prazo. Se você souber como seu corpo deve funcionar quando tudo está equilibrado, você tem mais chance de notar pequenos problemas antes que eles se tornem crônicos”, diz JoEllen Sefton.
Mas nem toda massagem é igual e cada uma cumpre um objetivo. “As manobras a serem feitas em um corredor antes da prova são totalmente diferentes das exigidas num momento pós-prova. Se no começo a ideia é deixar a atividade mais confortável, depois da corrida o foco é a recuperação”, explica Marino.
Se você é um corredor iniciante, também vai se beneficiar da massagem: ela alivia as dores comuns quando iniciamos um novo esporte, colaborando para que você não desista de seguir na corrida.
Já o trabalho corporal antes de uma prova ou treino intenso deve ser leve. “Não queremos músculos doloridos ou sobrecarregados”, diz a massagista Anna Gammal, que trabalhou com atletas nos Jogos Olímpicos de 2012.
Depois de uma corrida ou treino extenuante, um terapeuta pode ir mais a fundo (ou pegar leve) para auxiliar na recuperação. “Conversando com o atleta e entendendo o esforço que ele faz, definimos os movimentos para recuperar um músculo que já foi bastante exigido. A intensidade deve ser outra”, diz Marino.

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

A massagem desportiva é um método de recuperação que não deve ser ignorado


Não se foque apenas no treino, aposte também na massagem desportiva

Todos os tipos de treino implicam um esforço físico e um trabalho centrado em determinados grupos musculares. Mais ou menos intenso, o exercício físico obriga o corpo a procurar os seus limites e a acelerar o metabolismo ao ponto de funcionar em plenitude.
A sensação de bem-estar depois de treinar é comum e um dos aspetos que mais prazer dá, mas será sinónimo de que está tudo bem? Possivelmente sim, mas é preciso fazer mais do que ficar satisfeito com o esforço feito.
As massagens desportivas são uma opção a ter sempre em conta pois ajudam a “romper os nós nos músculos” a aliviar as “áreas de tensão”, que mesmo que não doam podem condicionar os movimentos a longo prazo.
A massagem aplicada depende do tipo de treino e da intensidade com que é feito, uma vez que convém que seja focada nos músculos que fazem mais esforços e que precisam de uma especial atenção, como acontece com os músculos das pernas no caso dos corredores e nos músculos das costas no que toca aos praticantes de culturismo.
Além do impacto positivo que têm a nível muscular, as massagens desportivas são ainda importantes por ajudarem a reduzir a tensão arterial e a aumentar a circulação sanguínea, algo que, lê-se na revista Shape, melhora a flexibilidade e a amplitude do movimento, ajudando numa recuperação mais rápida e eficaz.

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Massagem desportiva

 


Auxilia na recuperação da musculatura depois do exercício Além de amenizar os desconfortos e pequenas dores que aparecem após os treinamentos, relaxamento também serve de prevenção para as lesões.


A massagem desportiva utiliza-se de uma série de técnicas de alongamentos antes e depois de exercícios físicos que adotam o deslizamento, amassamento, percussão, fricção e a vibração para prevenir e reabilitar atletas e esportistas. Mas a massagem é válida também para quem pratica musculação pois a demanda de esforço físico também é alta.

O objetivo da massagem desportiva é aumentar a circulação sanguínea e ajuda a eliminar as toxinas acumuladas após o exercício físico, resultando em uma recuperação mais eficaz depois de seu treino. A massagem tem atuação direta na área a ser a resolvido o problema na musculatura, tendões ou articulações.

A Massagem desportiva na musculação é realizada com rigor e movimentos rápidos para causar os efeitos benéficos de:
– Aumento da quantidade de sangue no local que está sendo massageado;
- Aumento da temperatura do corpo
– Aumento de atividade cardiovascular
– Liberar adrenalina;
– Preparar os músculos do corpo para a atividade física (musculação no caso)
– Diminuir os riscos de lesões

 Desintoxicar o corpo.

Após os exercícios, dá ênfase às terminações nervosas sensitivas da pele o que provoca uma analgesia. Ajuda na melhoria do fluxo de circulação arterial, onde facilitará à venosa e a linfática ajudando na eliminação de toxinas do corpo como por exemplo o ácido lático, que se presente no corpo daria fadiga muscular e as dores, que são causadas pelo esforço físico durante o seu treino de musculação. Além dos nódulos de tensão que também podem ser eliminado através da massagem desportiva.

Cuidados a serem tomados
Caso você tenha algum problema do tipo: dor aguda, edema, hematoma e inflamações devido ao esforço causado pela academia ou outra atividade física, a massagem desportiva não deve ser aplicada no seu caso.

Para estes tipos de problemas e dores, você deve tomar as seguintes providências. Caso seu problema seja edema e inflamação, use uma compressa gelada. Caso seja tensão muscular, use em seu caso compressa quente.

É muito importante tomar todo o tipo de cuidado com as massagens. Principalmente no caso da massagem desportiva ela precisa ser realizada com responsabilidade e profissionalismo, pois precisa de uma atenção especial para não atingir de forma errada os vasos arteriais, venosos e linfáticos, a massagem não deve causar hematomas pelo corpo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts with Thumbnails